"Vento Suão" de Rosa Lobato de Faria

23:25


Autor: Rosa Lobato de Faria
P.V.P.: 15,90 €
Data 1ª Edição: 2011
Nº de Edição:
ISBN:-
Nº de Páginas: 176
Dimensões: - x - mm
Colecção: -
Editora: Porto Editora

Vento Suão, último romance da autora, é publicado um ano após a sua morte


A Porto Editora publica Vento Suão, o romance inédito de Rosa Lobato de Faria, um ano após a sua morte.
Nas livrarias a 24 de março, este romance conta com um posfácio de Eugénio Lisboa que tem como título “Um prazer interrompido” e que dá a conhecer um pouco da autora e da sua obra.
A apresentação oficial do livro, que será também uma homenagem a Rosa Lobato de Faria, está marcada para o dia 7 de abril, pelas 18:30, no Grémio Literário de Lisboa.


Sobre a obra:
Quando faleceu, a 2 de fevereiro de 2010, Rosa Lobato de Faria deixou inacabado este Vento Suão. Pôs-se então a hipótese de pedir a um(a) autor(a) das suas relações que imaginasse um desenvolvimento para a história que a morte não deixara chegar ao fim e terminasse o livro inacabado. Depressa se concluiu, no entanto, que tal não era a melhor solução – primeiro, porque não se tinha a certeza de que a autora aprovasse essa inclusão de uma voz alheia no interior do seu próprio fluir narrativo; depois, porque, apesar de inacabado, o romance tinha o desenvolvimento suficiente para se deixar ler como um todo com sentido. Aqui fica, pois, este Vento Suão tal e qual como Rosa Lobato de Faria o deixou. E como derradeira homenagem a uma escritora cuja obra teve como eixos fundamentais “a força da vida, o conhecimento profundo da realidade e do meio em que se agitam os seus fantoches ficcionais, o domínio das minúcias, o fôlego narrativo, a irrupção
imparável de um vento negro de violência que impõe uma aura de tragédia intemporal ao que parece quase inócuo”. [Eugénio Lisboa]


Sobre autor:
Rosa Lobato de Faria nasceu em Lisboa em 20 de abril de 1932 e na mesma cidade faleceu em 2 de fevereiro de 2010. Poeta e romancista, o essencial da sua poesia está reunido no volume Poemas Escolhidos e Dispersos, de 1997. O seu primeiro romance, O Pranto de Lúcifer, veio a público em 1995. Publicou em vida doze romances, o último dos quais, As Esquinas do Tempo, já na Porto Editora. Foi também autora de vários livros infantis.
Está publicada no Brasil e traduzida em Espanha, França e Alemanha.
Em 2000, obteve o Prémio Máxima de Literatura.

You Might Also Like

2 comentários

Follow on Facebook

Site Meter