"Cosa Nostra - Um século de história da Máfia" de Eric Frattini

20:29

Link
Compre por: 15,93 € (aqui)
Data de Edição: 2012
ISBN: 9789722524575
Nº de Páginas: 368
Editora: Bertrand Editora

Do autor de Mossad, chega-nos uma análise bem documentada sobre esta sociedade criminosa secreta, que se expandiu para o Leste dos Estados Unidos a partir das vagas de migração italiana, nas últimas décadas do século XX.

Sobre a obra:
«A Cosa Nostra vem antes de qualquer outra coisa na vida. Antes da família, antes do país, antes de Deus.»

Texto do discurso de admissão para a Cosa Nostra.
«Estamos aqui reunidos para aceitar um novo membro. Entra, agora, na Honorável Sociedade da Cosa Nostra, a qual não acolhe senão leais e valorosos homens. Tu entras vivo e sairás morto. A pistola e o punhal são os instrumentos através dos quais vives e morres. Na tua vida, a Cosa Nostra vem em primeiro lugar. Antes da família, antes do teu país, antes de Deus. Deves acorrer-lhe assim que fores chamado, mesmo se a tua mãe, a tua mulher ou os teus filhos estiverem no seu leito de morte. Existem duas leis às quais deves obedecer sem restrição: nunca trairás os segredos da Cosa Nostra e nunca violarás ou tocarás na mulher ou nos filhos de outro membro. A violação de uma destas leis acarreta a morte sem julgamento, sem aviso. Ergue o teu dedo para fazer correr uma gota de sangue, pois este simboliza o teu nascimento na nossa família. Doravante seremos um até à morte. Agora, tu és um verdadeiro homem, um amico nostro, um soldato della famíglia.»


Sobre autor:
Eric Frattini nasceu em Lima, Peru, em 1963. Ensaísta, jornalista, professor universitário, guionista de televisão e escritor, foi correspondente e trabalhou com diversos órgãos de comunicação no Médio Oriente.
Foi professor na Faculdade de Ciências da Informação na Universidade Complutense de Madrid e professor de Jornalismo na Universidade Camilo José Cela de Madrid.
Perito da União Europeia no âmbito de Segurança e Inteligência, Terrorismo Islâmico e Crime Organizado, tem sido consultor de vários serviços de inteligência internacional e forças policiais em países como Espanha, Itália, Roménia, Ucrânia, Bulgária, Hungria, EUA e Chile. Participou também, entre 2009 e 2012, em programas de operações antiterrorismo no Iraque e no Afeganistão.


Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook