Acácia - O Povo das Crianças Divinas de David Anthony Durham

00:52

P.V.P.: 16,17 €
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 336
Editora: Saída de Emergência
Um império com perigosos aliados e demasiados inimigos. Quatro príncipes determinados a cumprir um destino. Uma rede de intrigas que atravessa gerações. Manter o trono de Acácia poderá revelar-se uma tarefa fatal. 
Sobre a obra:
Corinn Akaran é a senhora suprema do Império Acaciano do Mundo Conhecido, e o poder parece suavizá-la, até mesmo fazê-la ceder aos jogos do amor. Mas, por todo o lado fervilha a traição e multiplicam-se as conspirações para a derrubar: dos seus alegados aliados numrek até às intrigas em torno da filha de Aliver, Shen, enquanto, do outro lado do mundo, um exército gigantesco se prepara para marchar sobre o Mundo.

Conhecido e a Liga dos Navios continua a jogar em dois perigosos tabuleiros, disposta a jurar servir qualquer senhor, desde que esse senhor sirva os seus próprios interesses. Corinn nem pode contar com a sua própria família: a irmã Mena esconde-lhe segredos e Dariel, prisioneiro das Crianças Divinas, vai enfrentar uma aventura - novamente contra a Liga dos Navios - que o transformará no corpo e no espírito. Mas Corinn aprendeu a lutar, e não vai hesitar em chamar a si todos os aliados que conseguir, até mesmo aqueles que ninguém imaginava que um dia pudessem voltar.

Ler Excerto
Sobre autor:
David Anthony Durham nasceu em Nova Iorque no ano de 1969. Venceu inúmeros prémios com os livros Gabriel’s Story, Walk Through Darkness, e Pride of Carthage. Com a publicação de Acácia, Durham ganha protagonismo e torna-se um autor em ascensão no mundo literário. Acolheu as melhores críticas no Publishers Weekly, Kirkus Reviews, SciFi Site and Fantasy Magazine, New York Times e Library Journal, sendo considerado a grande revelação dos últimos anos na Fantasia. A saga Acácia está a ser publicada em mais de 10 países e encontra-se em desenvolvimento para o cinema. Actualmente, Durham vive com a mulher e os filhos na Califórnia e ensina na Universidade em Fresno.
Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook