Trans Iberic Love de Raquel Freire

00:20

P.V.P.: 15,75 €
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 400
Editora: Divina Comédia

Sobre a obra:
Trans Iberic Love é a história de duas pessoas do século XXI que se apaixonam perdidamente uma pelo outra e pela revolução que protagonizam do movimento Queer dos anos 2000 ao dos Indignados em 2011.
Maria nasceu no Porto em 1974 com a Revolução dos Cravos. Filha única de uma família culta da burguesia republicana, é uma rebelde que desde a infância questiona as regras que lhe são impostas como mulher. É uma escritora habitada pelo desejo de transformar o mundo, que defende novos paradigmas como a quarta vaga do feminismo e a pansexualidade.
José nasceu em Barcelona em 1987 com a construção da União Europeia, numa família da elite intelectual catalã-francesa. Nunca se sentiu "mulher". Considerado um pequeno génio, destaca-se como sociólogo ao criar uma identidade trans, entre o feminino e o masculino. Identifica-se como pirata e guerrilheiro do género.
Juntos ultrapassam todas as fronteiras, mergulham num mundo novo, questionam a identidade sexual, nacional, ideológica, de classe, de género e tentam viver no amor do dia-a-dia esta revolução de comportamentos.
Sobre autor:
Raquel Freire nasceu no Porto em 1973. É argumentista, realizadora e produtora, mas também ativista, cronista, encenadora de teatro, escritora e mãe duma criança de doze anos.
Escreveu e realizou Rio Vermelho (Torino Film Festival 1999), Rasganço (Veneza Film Festival 2001) e Veneno Cura (São Paulo Film Festival 2009). 
Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook