Novidades

O Terceiro Bispo de Frederico Duarte Carvalho

23:12

P.V.P.: 15,98 € 
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 304
Editora: Editorial Planeta
A primeira ficção mundial a atar as pontas de um Segredo por resolver: João Paulo II não morreu no atentado de 1981, e portanto o Terceiro Segredo de Fátima está por cumprir.

Uma história de acção, um thriller emocionante na melhor tradição do género, que vai levar os leitores por uma Lisboa recheada de símbolos e segredos, ao encontro de organizações invisíveis e de uma conjura maquiavélica.

O número 13 parece perseguir o Papa Francisco...

Entre Lisboa e Roma, há um plano para matar o papa e cumprir o Terceiro Segredo de Fátima.
Sobre a obra:
As profecias de São Malaquias anunciam que este é tempo do último papa antes da destruição da Igreja. O Papa Francisco seria o “Último Papa” antes da destruição da Igreja de Roma.
O monge de Pádua previu um papa vindo de longe para morrer O Terceiro Segredo de Fátima revela o assassinato do bispo vestido de branco. Mas, em Roma, existem hoje dois papas, dois bispos vestidos de branco. Qual deles será o escolhido de Deus para morrer pela salvação? Será o Papa Bento XVI? Ou o Papa Francisco?
E como se vê um jornalista português desempregado envolvido num plano que vai de Fátima ao Vaticano e parece querer transformálo na «mão de Deus» para cumprir as profecias.
Revelador, este livro é um thriller cuja acção decorre em Lisboa e tudo começa com três sem-abrigo que apareceram assassinados na Baixa lisboeta, com estranhas mensagens escritas no peito.
Joaquim Barata, um jornalista no desemprego, vê-se envolvido na investigação deste caso encomendada por uma loira misteriosa, e descobre ligações que não deixam dúvida a um plano para assassinar o papa Francisco no dia 13 de Outubro de 2013, em Roma, na recepção à imagem de Nossa Senhora de Fátima.
Assim se cumpririam todas as profecias que apontam para que seja este o último papa e para a sua morte em circunstâncias trágicas.
Mas o plano parece ser demasiado humano para se tratar de um desígnio divino...Quem está a fazer o papel de Deus para que as profecias se cumpram? O segundo papa, Bento XVI?
Nada aconteceu ao papa Francisco no passado dia 13, pois não?
Pois não. Tentem perguntar a Joaquim Barata porquê.
Sobre autor:
É jornalista e nasceu no Porto a 27 de Agosto de 1972.
Trabalhou como jornalista no diário O Primeiro de Janeiro e no semanário Tal & Qual e foi editor de política na revista Focus.
É autor dos livros Vítor Batista - O Maior; Capitão Roby; Eu Sei Que Você Sabe; Abril Sangrento; Poeta & Espião; A Mensagem Brown; O Enigma da Praia da Luz; Estados de Segredos; Cavaco Versus Cavaco; e, na Planeta, Camarate - Sá Carneiro e as Armas para o Irão.
O Terceiro Bispo é o seu primeiro romance de grande fôlego.
Imprensa:
-
Ler mais »

Novidades

A Cúpula _ Livro II de Stephen King

23:04

P.V.P.: 16,92 € 
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 488
Editora: Bertrand Editora

Sobre a obra:
Num bonito dia de outono, um dia perfeitamente normal, uma pequena cidade é súbita e inexplicavelmente isolada do resto do mundo por uma força invisível. Quando chocam contra ela, os aviões despenham-se, os carros explodem, as pessoas ficam feridas. As famílias são separadas e o pânico instala-se. Ninguém consegue compreender que barreira é aquela, de onde vem ou quando (se é que algum dia) desaparecerá.
Agora, um grupo de cidadãos intrépidos, liderado por um veterano da guerra do Iraque, toma as rédeas do poder no interior da cúpula. Mas o seu principal inimigo é a própria redoma. E o tempo está a esgotar-se… 
Sobre autor:
Romancista norte-americano, Stephen King nasceu em 1947, em Portland, Maine. Filho de um marinheiro mercante, que abandonou a família em 1950, foi criado pela mãe, em Durham, juntamente com o seu irmão David. A mãe viu-se forçada a trabalhar precariamente para poder sustentar os seus filhos.
Aos seis anos de idade, o jovem Stephen teve que proceder à punctura do tímpano por diversas vezes, experiência dolorosa que nunca conseguiria esquecer. Deu início aos seus estudos secundários na Lisbon Falls High School, onde começou a escrever contos, ao mesmo tempo que fazia parte de um grupo amador de rock. No ano de 1960, Stephen King submeteu o seu primeiro manuscrito para publicação, o qual seria rejeitado. Entretanto, editava o jornal do liceu, The Drum, e escrevia para o jornal local, o Lisbon Weekly Enterprise. Publicou o seu primeiro conto, In A Half-World Of Terror, numa fanzine de terror.
Em 1970 licenciou-se pela Universidade do Maine e, no ano seguinte, casou com Tabitha Spruce, que também viria a alcançar reputação como escritora. De 1971 a 1974, Stephen King foi instrutor na Hampden Academy, até ter publicado o seu primeiro romance, Carrie (1974), a história de uma rapariga com poderes telecinéticos. Atirou as primeiras páginas do trabalho ao lixo, mas foram resgatadas pela esposa, que o encorajou a prossegui-las. A obra não teve, a princípio, senão um sucesso modesto, mas com a adaptação para cinema e com a publicação do romance Salem's Lot (1976), conseguiu estabelecer-se como importante escritor de literatura de terror.
Nos finais do Verão de 1974, Stephen King decidiu passar umas férias prolongadas no Colorado na companhia da sua família. De visita ao Stanley Hotel, em Estes Park, chegou-lhe a inspiração para o seu romance seguinte, The Shining (1975), que chegaria a obter versão cinematográfica pela mão de Stanley Kubrick, em 1977. Nessa época, segundo confissão do próprio autor, tinha a braços problemas de abuso de álcool e drogas. Na segunda metade dos anos 70, Stephen King começou a publicar uma série de romances sob o pseudónimo Richard Bachman, de que Rage (1977) e The Long Walk (1979) são exemplos.
Em Junho de 1999, o escritor ficou gravemente ferido em consequência de um atropelamento por uma carrinha. Não obstante, no mês seguinte começou a publicar uma série de folhetins virtuais no seu website 'stephenking.com', sendo o primeiro escritor de gabarito a recorrer ao suporte virtual. Na primeira história, uma vinha sobrenatural começa a crescer numa editora de livros de bolso, trazendo sucesso e riquezas em troca de sangue e carne fresca.
Em convalescença do acidente, Stephen King decidiu fazer um balanço do seu início de carreira, com On Writing (2000), obra principalmente destinada a aconselhar potenciais escritores. Stephen King passou a maior parte da sua carreira como romancista em Bangor, no estado do Maine. 
Imprensa:
«Uma viagem alucinante e uma meditação comovente e perturbadora acerca da nossa capacidade para o bem e para o mal.»
Publishers Weekly

«Completamente viciante.»
USA Today

«Por mais difícil que seja pegar neste livro, é ainda mais difícil pousá-lo.»
New York Times

«A obra de um mestre a contar história.»
Los Angeles Times

«A ação desenrola-se tão depressa e prende de tal forma o leitor que é praticamente incapacitante.»
Newsday

«Um dos meus livros preferidos deste ano.»
Neil Gaiman

«A nossa lista de literatura na grande tradição gótica americana fica muito mais rica.»
The Washington Post
Ler mais »

Novidades

Manual Prático de Astrologia de Joëlle De Gravelaine

22:59

P.V.P.: 13,94 € 
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 288
Editora: Nascente

Sobre a obra:
A ciência e a técnica do horóscopo ao alcance de todos.
Joëlle de Gravelaine, Grande Mestre Astróloga com 40 anos de estudos e experiência, apresenta neste manual prático as características fundamentais de cada signo do Zodíaco, com tudo o que necessita de saber para se conhecer melhor a si mesmo, aos seus amigos e aos seus familiares.

• Identifique as principais características dos signos do Zodíaco;
• Saiba qual é a influência dos 4 elementos no seu signo;
• Descubra a diferença entre signos masculinos e femininos;
• Distinga facilmente os signos cardeais, fixos e mutáveis;
• Identifique o seu ascendente e descubra a sua influência no seu signo;
• Verifique a afinidade entre os vários signos.

Um livro fundamental para todos os que querem saber mais sobre astros, signos e o Zodíaco. 
Sobre autor:
-
Imprensa:
-
Ler mais »

Novidades

A Flor do Desejo de Cherie Feather

22:57

P.V.P.: 13,95 € 
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 256
Editora: Quinta Essência

Sobre a obra:
Mandy Cooper, directora do Museu de Arte Feminina da cidade de Santa Fe, há muito que admira a pintora Catherine Burke e segue com interesse a história da intensa relação amorosa que a artista do século XIX manteve com Atacar, um belo americano nativo. Contudo, a ligação de Mandy ao casal vai estreitar-se ainda mais. Mandy envolve-se com Jared Cabrillo, o perigosamente atraente sobrinho-bisneto de Atacar, naquela que será uma relação escaldante e avassaladora.
Jared, por sua vez, esconde um segredo que vai mudar a vida de todos. Na posse do diário íntimo de Catherine, que muitos pensavam estar perdido para sempre, conhece todos os desejos e fantasias da artista. E decide recriar na sua relação com Mandy a paixão escaldante que uniu Atacar e Catherine. Ele sabe exactamente como conquistar uma mulher, incluindo o recurso à simbólica e sensual linguagem das flores… Mas Jared sabe também o quão intensamente Catherine amava Atacar e o quão perigosamente ele a amava. Será amor o que o une a Mandy?
O diário de Catherine é intemporal, simultaneamente romântico, sensual e trágico. Mais de cem anos depois, os segredos contidos nas suas páginas tanto podem unir Mandy e Jared para sempre como destruí-los a ambos - atrever-se-ão eles a amar depois de tudo por que passaram? 
Sobre autor:
Cherie Feather é o alter ego de Sheri WhiteFeather, autora de mais de vinte livros publicados nos Estados Unidos. Como Cherie Feather assina os seus romances sensuais. Descendente de imigrantes italianos, oriundos de Castel di Sangro e da Sicília, Cherie cedo revelou a sua veia artística. Começou a escrever em 1999, mas antes havia trabalhado como maquilhadora profissional e artesã, trabalhando o couro, o seu material de eleição, nas mais variadas manifestações artísticas. Actualmente Cherie Feather vive na Califórnia. 
Imprensa:
-
Ler mais »

Clube dos Livros

Passatempo Especial Natal - bq Cervantes Touch

00:30

Olá a todos!
O Clube dos Livros tem um Passatempo especial para o Natal com apoio da Bq Readers.

Temos para oferta 1 e-book reader


bq Cervantes Touch

O passatempo terminará Domingo dia 22 de Dezembro às 23:59h (daí só serão aceites as participações feitas até essa hora/data), o vencedor será anunciado aqui no blogue e contactado via e-mail após realização de sorteio e publicação do resultado, onde serão pedidos os dados para emitir a factura e garantia em nome do vencedor, juntamente com o equipamento.


O vencedor será sorteado aleatoriamente, na mesma aplicação (com suporte do random.org) que se realizaram anteriores sorteios de passatempos aqui do blogue, entre os que preencham todos os dados pedidos do formulário abaixo.
Importante:

Devem fazer gosto nas seguintes páginas de Facebook APENAS da 1ª VEZ:
1º - www.facebook.com/ClubedosLivros
2º - www.facebook.com/bqreaders
3º - www.facebook.com/blogbranmorrighan


Depois de isto feito, podem-se inscrever 1 vez por dia, entre 18 de Novembro e 22 de Dezembro, sendo que por cada dia que se inscrevam e partilhem o passatempo no vosso mural publicamente, duplica a inscrição desse dia.

_ Só serão aceites participações de pessoas residentes em Portugal (Continente e Ilhas);
_ O envio do prémio não contém qualquer encargo ou custo ao vencedor; Também não somos responsável por quaisquer danos, extravio ou não recepção do mesmo.

_ Em caso de não concordar com algum dos pontos referidos, deverá abster-se de participar.

Só me resta desejar boa sorte!
Passatempo Terminou
Ler mais »

Passatempo

Resultado Passatempo - A Oficina dos Livros Proibídos de Eduardo Roca

23:34

Olá a todos! :-)

Tínhamos para oferta um exemplar do livro:


Este passatempo só foi possível graças ao apoio da editora Editorial Presença, muito obrigado pelo apoio!

Muito obrigado a todos os 231 participações.

A vencedora deste passatempo é:

* 36 - Bárbara Abreu - Vila Meã *

Muitos Parabéns!
Quem não ganhou desta vez, não desanime e continuem a participar.
Irão continuar a aparecer novidades!

Cumprimentos a todos e boas leituras!
Clube dos Livros
Ler mais »

Novidades

A Vida de Jesus de Raul Correia

23:05

P.V.P.: 14,36 € 
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 320
Editora: Guerra e Paz

Sobre a obra:
Jesus nasceu em Belém e foi criado em Nazaré. De Belém a Nazaré, de Nazaré ao calvário de Jerusalém, este livro segue cada passo desse homem que, com o escândalo do seu exemplo, mudou a história da humanidade.
Raul Correia, o autor deste livro, numa linguagem clara e simples, conta-nos todos os episódios da vida do Nazareno. Vamos vê-lo, a esse Jesus Cristo que ele nos apresenta, transformar a água em vinho, vamos vê-lo multiplicar cinco pequeninos pães e dois peixes para alimentar uma multidão sedenta e faminta, vamos vê-lo caminhar sobre as águas.
Para uns, esses são episódios reais, verdadeiros milagres, que atestam a divindade de Jesus. Para outros, aqueles episódios simbolizam a vontade de mudança, a sede e fome de justiça, a crença na superação de nós próprios, que subjaz à humanidade que somos. Será para todos uma leitura empolgante.

Uma vida de Jesus escrita com assumida simplicidade: todo o protagonismo é dado aos acontecimentos, a cada episódio, às conversas de Jesus com os discípulos que o seguiam, aos seus almoços com pecadores e publicanos, aos conflitos entre os fariseus e este judeu que aos 33 anos morreria por amor aos homens. 120 ilustrações do Mestre Carlos Alberto Santos restituem-nos a visão do périplo terreno de Jesus.
Jesus, um homem, nascido no explosivo cruzamento de raças e culturas que é o Médio Oriente, um homem que teria traços orientais, arianos e africanos, numa vida riquíssima e breve, mudou para sempre a humanidade que somos. 
Sobre autor:
Raul Correia (1904-1985)
Será sempre recordado como o criador e director literário de uma publicação que revolucionou a história da BD portuguesa, O Mosquito (1936-1953). Foi poeta e autor de novelas e contos, interessando-se sobretudo pelo teatro e pelo romance histórico.

Carlos Alberto Santos
Nascido em 1933, é pintor e ilustrador. Ilustrou revistas e livros e trabalhou a arte do cromo.
As suas telas estão em colecções nacionais e internacionais. As ilustrações desta obra foram expressamente concebidas para ilustrar A Vida de Jesus. 
Imprensa:
-
Ler mais »

Novidades

Chocolate e Sobremesas de Marie-Christine Clément

22:25

P.V.P.: 13,46 € 
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 24
Editora: Editorial Presença

Sobre a obra:
Ao longo do livro Chocolate e Sobremesas são apresentadas 22 receitas simples e originais de sobremesas com fruta e com chocolate!
Gelado de chocolate, Rosas do deserto, Neve de algodão doce ou Bolo borboleta são algumas das delícias preparadas especialmente por crianças... para crianças!

Recomendado para crianças a partir dos 8 anos.
Sobre autor:
Marie-Christine Clément é autora de vários livros de culinária para adultos. É casada com o chef e proprietário do Grand Hotel du Lion d’Or. Foi responsável pela organização de concursos de culinária para crianças, motivo pelo qual foi convidada a participar neste livro. A autora trabalha neste momento num livro de culinária com receitas do mundo. É membro do comité científico para a nutrição da UNESCO.
Imprensa:
-
Ler mais »

Novidades

Um Milionário em Lisboa de José Rodrigues dos Santos

00:11

P.V.P.: 19,80 € 
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 672
Editora: Gradiva

Sobre a obra:
Baseado em acontecimentos verídicos, Um Milionário em Lisboa conclui a espantosa história iniciada em O Homem de Constantinopla e transporta-nos no percurso da vida do arménio que mudou o mundo - confirmando José Rodrigues dos Santos como um dos maiores narradores da literatura contemporânea.

Kaloust Sarkisian completa a arquitectura do negócio mundial do petróleo e torna-se o homem mais rico do século. Dividido entre Paris e Londres, cidades em cujas suítes dos hotéis Ritz mantém em permanência uma beldade núbil, dedica-se à arte e torna-se o maior coleccionador do seu tempo.

Mas o destino interveio.

O horror da matança dos Arménios na Primeira Guerra Mundial e a hecatombe da Segunda Guerra Mundial levam o milionário arménio a procurar um novo sítio para viver. Após semanas a agonizar sobre a escolha que teria de fazer, é o filho quem lhe apresenta a solução:
Lisboa.

O homem mais rico do planeta decide viver no bucólico Portugal. O país agita-se, Salazar questiona-se, o mundo do petróleo espanta-se. E a polícia portuguesa prende-o. 
Sobre autor:
José Rodrigues dos Santos nasceu em 1964 Moçambique. É sobretudo conhecido pelo seu trabalho como jornalista, carreira que abraçou em 1981, na Rádio Macau. Trabalhou na BBC, em Londres, de 1987 a 1990, e seguiu para a RTP, onde começou a apresentar o 24 horas. Em 1991 passou para a apresentação do Telejornal e tornou-se colaborador permanente da CNN entre 1993 e 2002.
Doutorado em Ciências da Comunicação, é professor da Universidade Nova de LIsboa e jornalista da RTP, tendo ocupado por duas vezes o cargo de Director de Informação. da televisão pública. É um dos mais premiados jornalistas portugueses, galardoado com dois prémios do Clube Português de Imprensa e três da CNN, entre outros. 
Imprensa:
«Um estilo de escrita prodigiosamente poético e melódico que enfeitiça o leitor.»
Literaturzirkel Belletristik, Alemanha
Ler mais »

Divulgação

FNAC - Receba 50% do valor das suas compras de livros _ 7 e 8 de Novembro

16:11

Condições da Campanha

Entre 7 e 9 de Novembro, por cada 2€ de compras de livros devolvemos-lhe 50% do valor comprado em Vale.
Exs:
Compra de livros no valor de 50€ = Oferta Vale no valor de 25€
Compra de livros no valor de 27€ = Oferta Vale no valor de 13€

Será atribuído um vale por cliente, tendo em conta o valor acumulado de compras de livros (excepto Pré-Vendas) efetuadas e pagas entre 7 e 9 de Novembro. Os vales serão enviados por email a 18 de Novembro, para utilização numa única compra de livros, jogos e/ou brinquedos entre 18 e 30 de Novembro de 2013. Vale não acumulável com outros vales ou códigos promocionais.

Oferta limitada ao stock existente, exclusiva para compras online e aplicável apenas a artigos vendidos pela Fnac.pt.

Campanha de incentivo à leitura. Não serão atribuídos vales de valor superior a 100€ nem em situações abusivas.


Ler mais »

Noticias

Portugueses são os europeus com menos interesse pela leitura

22:51


Os portugueses são dos cidadãos da União Europeia com menores taxas de participação em atividades culturais e Portugal é o país onde há maior falta de interesse pela leitura, releva um inquérito Eurobarómetro hoje divulgado.


Segundo este inquérito da Comissão Europeia sobre acesso à cultura e participação cultural, o primeiro nesta área desde 2007, no ano passado apenas 38% dos cidadãos da União Europeia realizaram alguma atividade cultural, sendo que apenas o cinema manteve os níveis de adesão.

Em termos de frequência na participação em atividades culturais, como ler ou visitar museus, os países nórdicos revelam os melhores resultados: Na Suécia, 43% dos cidadãos descrevem a sua taxa de participação como elevada ou muito elevada, seguindo-se a Dinamarca (36%) e os Países Baixos (34%).

Este Eurobarómetro revela que 49% dos portugueses aponta a falta de interesse como razão para não ler livros, sendo que 35% dos portugueses dizem não ter ido a concertos no último ano por falta de dinheiro.

O inquérito indica que assistir/ouvir programas na televisão/rádio são as actividades culturais mais comuns na União Europeia (72% pelo menos uma vez nos últimos 12 meses).

A ópera, o 'ballet' ou os espectáculos de dança são as escolhas menos habituais entre os cidadãos europeus (apenas 18% no último ano).

Este inquérito, para o qual foram entrevistadas cerca de 27 mil pessoas no espaço europeu, coincide com a abertura do Fórum Europeu de Cultura, em Bruxelas, que reúne cerca de 1.200 agentes culturais e responsáveis políticos, nas vésperas de ser adoptado o novo programa "Europa Criativa", da Comissão Europeia.
Ler mais »

Passatempo

Passatempo - A Oficina dos Livros Proibídos de Eduardo Roca

00:09

Olá a todos!
O Clube dos Livros tem um passatempo com apoio da Editorial Presença.

Temos para oferta 1 exemplar


A Oficina dos Livros Proibídos de Eduardo Roca

O passatempo terminará Sábado dia 16 às 23:59h (daí só serão aceites as participações feitas até essa hora/data), o vencedor será anunciado aqui no blogue e contactado via e-mail após realização de sorteio e publicação do resultado.


O vencedor será sorteado aleatoriamente, na mesma aplicação (com suporte do random.org) que se realizaram anteriores sorteios de passatempos aqui do blogue, entre os que preencham todos os dados pedidos do formulário abaixo.


Importante:

_ Só será aceite uma participação por pessoa e e-mail;

_ Só serão aceites participações de pessoas residentes em Portugal (Continente e Ilhas);

_O envio do prémio não contém qualquer encargo ou custo ao vencedor; Também não somos responsável por quaisquer danos, extravio ou não recepção do mesmo.

_ Em caso de não concordar com algum dos pontos referidos, deverá abster-se de participar.

Só me resta desejar boa sorte!



Passatempo Terminou
Ler mais »

Opinião

Opinião: No Canto Mais Escuro de Elizabeth Haynes

19:30


mais informação acerca do livro neste link

Opinião:
“No canto mais escuro”, trouxe-me à memória o livro “Antes de adormecer”, e levou-me a pensar que se tratava de um livro sobre violência doméstica, isto ainda antes de o ler, ou sequer olhar para a sinopse. Contudo, esta ideia conforme ia avançando na leitura, ia-se tornando mais óbvia em alguns momentos e noutros, começava a deixar de fazer sentido, afastando assim as minhas suspeitas.
Temos um típico ambiente Londrino, onde sentimos pouca comunicação e afecto entre personagens, digamos que um ambiente frio em todos os sentidos. Ruas escuras, uma vida diária que se inicia cedo e termina cedo, um ambiente de loucura e de excessos nas saídas nocturnas características dos ingleses, e etc etc, que vocês conseguem recriar certamente, para quem não esteve lá, consegue imaginar pelo que vê na net ou na tv… Gostei do pormenor de referir no enredo o bar Pitch and Piano, que já estive num, não sei se é este, mas se foi eu usei a minha mente para a partir daí começar a criar cenários possíveis algures por ali…
Cathy, é a nossa personagem central. Para mim, certamente ao contrário de muitos leitores, esta tornou-se por vezes uma personagem irritante levando-me mesmo a pensar que era ela que estava “maluquinha” pela forma como reage às situações, como se comporta, pelas atitudes que tem, e mesmo o facto de verificar sempre todas as aberturas de acesso ao seu “cantinho” (que é um excesso), levando a pensar que nada se passava a não ser na sua cabeça. Na verdade não era ela a maluquinha, mas a forma como foi criada e idealizada esta personagem levou-me a crer que não se passava de uma pessoa com perturbações mentais. Descoberta a verdade ficamos a pensar que em Cathy, existia de facto um sofrimento, mas que afinal poderia não ser tal como a autora descreve, pois acho que falta ali algo de mais forte para justificar as suas atitudes, pois em pleno séc XXI não vejo, apesar de existir certamente este tipo de situações, motivos para continuar a aceitar e a tolerar situações da forma que se desencadeiam nesta história. Cathy, foi aquela personagem criada para ser cega por alguém existindo ou não sofrimento, excessivo ou não, no fundo uma pessoa “dah” que não aparenta ser deste século. Por outro lado, está rodeada de pessoas vividas e cheias de vida, onde Cathy é a pobre coitada que fica ofuscada no seu grupo, mas que atrai a si devido à sua aparência, e talvez devido a ser um alvo frágil um homem daquele tipo. Bem, Cathy consegue deixar-nos revoltados a perguntar “como deixas-te que isto acontecesse” ao vermos o que ela sofre, como um prisioneiro de guerra.
O personagem masculino, é um pouco estranho, pelo menos não vejo que uma pessoa como ele no seu ramo profissional, no nível hierárquico que ocupa a ter tanta influência e poder como ele, ou então faltou dizer que ele era X ou Y e muito influente por algum feito seu no passado, o que não acontece. A amiga, com que terminamos a história, tendo sido uma personagem que transmitia muita vida e supostamente aparentava ser esperta, tem um momento que deixa a duvidar se realmente o seria. Cronologicamente falando, num relacionamento longo que a amiga tem com o personagem masculino, esta sofre menos e mais tarde do que Cathy, que pouco tempo após o relacionamento nascer, já padece e sofre de violência, apesar de não o notar.
O livro é bom, disso não hajam dúvidas que nos deixa a viver o seu conteúdo. É revoltante e deixa-nos a pensar “como?”, mas é um facto, deve existir alguém assim algures por aí, e se calhar bem mais do que se possa imaginar… Esqueci-me referir que o livro vai alternando entre o passado e o presente da acção e que por momentos me pedi, mas no final resulta bem esta estrutura. A autora podia ter aprofundado mais alguns pontos que, eu pessoalmente, gostava de os ter visto mais aprofundados, mas mesmo assim o resultado final do livro é muito bom.

Ler mais »

Opinião

Opinião: A Loja dos Suicídios de Jean Teulé

16:03


mais informação acerca do livro neste link

Opinião:
“A sua vida foi um fracasso? Connosco a sua morte será um sucesso!”
A Loja dos Suicídios, é realmente um livro negro mas animado.
No meio de uma família, que possui um negócio há mais de 10 gerações entre si, nasce um filho de nome Alan, que vem atormentar todos os seus familiares. O jovem, alegre e feliz por viver, vai contra tudo o que a família quer preservar, o espírito mórbido, o apoio e a comercialização de ferramentas, ou soluções, infalíveis para quem está infeliz e se quer suicidar, ali na Maison Tuvache, está a solução, pois eles conseguem satisfazer os desejos dos seus clientes com uma taxa de sucesso de 100%. Desde veneno, a cordas, pistolas até lâminas, eles têm todo o tipo de solução para se morrer feliz. Contudo, o pequeno Alan vem mudar o rumo às coisas e transformar a vida deles.
Eu desconhecia este livro e o seu filme de animação, mas que quando li o livro fui descobrir no youtube.com.
Sinceramente, achei mais piada ao livro, porque o li antes de vero filme, isto porque podemos criar cenários e personagens à nossa maneira, mas quem fizer o inverso também vai achar imensa piada. As personagens são bastante cómicas e cativantes.
A forma como é desenvolvida a história faz-nos rir e imaginar se algo assim existisse como seria. Onde já se viu comprar a morte à medida?
Pode ser considerada uma sátira a uma sociedade que está constantemente depressiva mas, para mim prefiro olhar para o livro como um livro de com uma grande pitada humor negro, que me deixou a rir por várias vezes.

Nota negativa foi mesmo a revisão / formatação do livro, requeria uma maior concentração para ler as palavras que estavam todas juntas sem espaços em várias linhas, o que como podem imaginar não é fácil… Contudo, a editora confirmou que o mesmo ia ser revisto e corrigido em próxima edição.
O livro vale a pena, é pequeno, rápido de ler e vai deixar escapar um sorriso de qualquer um que o leia.

Ler mais »

Passatempo

Resultado Passatempo - Princesa Mecânica _ Caçadores de Sombras - As Origens Livro 3 de Cassandra Clare

14:32

Olá a todos! :-)

Tínhamos para oferta um exemplar do livro:


Este passatempo só foi possível graças ao apoio da editora Editorial Planeta, muito obrigado pelo apoio!

Muito obrigado a todos os 143 participações.

A vencedora deste passatempo é:

* 67 - Samuel Lino - Póvoa de Varzim *

Muitos Parabéns!
Quem não ganhou desta vez, não desanime e continuem a participar.
Irão continuar a aparecer novidades!

Cumprimentos a todos e boas leituras!
Clube dos Livros
Ler mais »

Novidades

O Boneco de Neve de Jo Nesbø

22:16

P.V.P.: 17,91 € 
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 472
Editora: Bom Quixote
Uma carta misteriosa.
Um assassino em série.
Um jogo mortífero que Harry Hole é obrigado a jogar.
Sobre a obra:
Noite escura. Lá fora começa a nevar.
A primeira neve do ano.
No conforto da sua casa, Jonas acorda a meio da noite, chama pela mãe, mas o único rasto que encontra são as pegadas húmidas no chão das escadas. No jardim, a mesma figura solitária que vira durante o dia: o boneco de neve, agora banhado pelo luar, com os olhos negros fixos na janela do quarto. E no pescoço um agasalho: o cachecol cor de rosa que oferecera à mãe.
Encarregado da investigação, o Inspetor Harry Hole está convencido de que existe uma ligação entre o estranho desaparecimento da mãe de Jonas e uma carta ameaçadora que recebeu alguns meses antes. Quando Harry e a sua equipa começam a analisar antigos casos por resolver, descobrem que, ao longo dos anos, no primeiro dia em que nevou, desapareceu um número alarmante de mulheres, com uma característica comum: eram todas casadas com filhos. E quando se vê confrontado com outro caso com as mesmas características, as suspeitas de Harry confirmam-se: não passa de um mero peão num jogo mortífero. Pela frente tem o primeiro assassino em série da Noruega, um assassino tão inteligente, que quase o leva à loucura.
Sobre autor:
JO NESBØ tem um nome que termina com uma letra que nem sequer existe no nosso alfabeto. Pronuncia-se como o Ö alemão - ou, como explica o autor, «tal e qual como Peter Sellers diz "bomb" no filme da Pantera Cor-de-Rosa». Jo Nesbø nasceu em 1960. Só começou a escrever aos 37 anos. Leu - os favoritos são Hemingway e Nabokov -, jogou futebol com ambições profissionais (mas os ligamentos dos joelhos não o acompanharam), foi guitarrista num grupo rock . Tornou-se um autor em ascensão há dez anos; as suas histórias com Harry Hole são multipremiadas, e é a grande vedeta dos autores escandinavos, um dos mais talentosos e bem sucedidos escritores europeus. Em suma: altamente recomendado.
Imprensa:
-
Ler mais »

Novidades

A Princesa de Limaland e o Mistério da Profecia de Cláudia Ferreira

22:04

P.V.P.: 13,00 €
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 363
Editora: Chiado Editora

Sobre a obra:
No segundo livro desta saga, a magia está mais viva do que nunca. Uma profecia com mais de cem anos ameaça sair do passado e modificar para sempre a vida da princesa Jade Arima.
Esta é assombrada por terríveis pesadelos que se transformam em realidade. Para piorar a situação, Santiago desaparecera há nove meses. O que lhe terá acontecido? Porque desapareceu sem deixar rasto? São algumas das perguntas que assombram a jovem feiticeira, que se vê envolvida uma vez mais num grande mistério.
Uma previsão de morte foi anunciada e um velho diário é o refúgio de inúmeros segredos. Numa cidade encantada e repleta de seres mágicos, será Jade capaz de desvendar todo o mistério à sua volta, numa altura em que as trevas estão de volta? Mais uma vez terá que agir com o coração e desvendar finalmente os segredos mais antigos que se escondem em Limaland.
Será o amor tão forte quanto a morte?
Sobre autor:
Nasceu a 27 de Maio de 1990 em Angra do Heroísmo, Ilha Terceira, Açores.

Enquanto criança, redigia pequenos textos que exteriorizavam a sua sentimentalidade e criatividade, começando ainda na adolescência a dedicar-se de forma mais séria à escrita, sendo autora de textos publicados num jornal regional e autora do livro “A Princesa de Limaland e a Pedra Mágica”.

Atenta às questões sociais e de cidadania, dedica-se ao ensino da moral Cristã, como catequista, bem como à ocupação dos seus tempos livres em actividades voltadas

para a leitura na secção Infanto-Juvenil da B.P.A.R.A.H., desenvolvidas pela Direção Regional da Juventude.

Atualmente está a concluir um Curso de Especialização Tecnológica em Técnica de Farmácia, na Universidade dos Açores. Pretendendo em seguida, candidatar-se a uma licenciatura na área de Ciências Sociais.
Imprensa:
-
Ler mais »

Clube dos Livros

Brevemente oferta de E-book Reader - bq Cervantes Touch

16:19

*** INFORMAÇÃO ***


A Bq readers em parceria com o Clube dos Livros , brevemente vai oferecer este e-reader _ bq Cervantes Touch no valor de 109,90€ 

Quem será que vai receber este fantástico e-book reader completamente grátis?!

Partilhem pelo máximo de amigos, vale a pena estarem atentos, não é todos os dias que vão ter oportunidade de se candidatar a ter um e-book reader completamente grátis, nem de ver as vossas participações multiplicar-se com simples acções que podem ter.

Quem não ganhar aqui no Clube dos Livros terá outra oportunidade, apenas precisam de estar atentos ao Blog BranMorrighan, assim que o passatempo termine aqui.


#clubedoslivros #bqreaders #ereader #touch #ebook #gratis #passatempo
Ler mais »

Passatempo

Resultado Passatempo - Pede-me o que Quiseres de Megan Maxwell

16:08

Olá a todos! :-)

Tínhamos para oferta um exemplar do livro:


Este passatempo só foi possível graças ao apoio da editora Editorial Planeta, muito obrigado pelo apoio!

Muito obrigado a todos os 203 participações.

A vencedora deste passatempo é:

* 139 - Diana Batista - Rinchoa *

Muitos Parabéns!
Quem não ganhou desta vez, não desanime e continuem a participar.
Irão continuar a aparecer novidades!

Cumprimentos a todos e boas leituras!
Clube dos Livros
Ler mais »

Novidades

A Misteriosa Mulher da Ópera de Alice Vieira, Afonso Cruz, André Gago, David Machado, Catarina Fonseca, Isabel Stilwell e José Fanha

15:58

P.V.P.: 14,31 € 
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 298
Editora: Casa das Letras

Sobre a obra:
Um desafio. Sete autores (Alice Vieira, Afonso Cruz, André Gago, David Machado, Catarina Fonseca, Isabel Stilwell e José Fanha). Catorze mãos.
Sete personagens inesquecíveis. Uma única história. Uma trama arrebatadora que contém de tudo, desde crimes misteriosos, o fantasma de uma avó violinista, flûtes de champanhe, um gato persa chamado Psiché que por vezes se vê obrigado a fazer de pêndulo de Foucault, uma caixa de violino suspeita de assassinato, uma taberna onde se canta o fado em Xabregas, e amor, amor em catadupas, uma grande paixão, desencontros terríveis, equívocos inexplicáveis, reencontros inesperados.
A aventura vai das avenidas de Paris, à Rua Heróis de Quionga, ao Teatro Nacional de São Carlos, ao cais de Xabregas e a um cacilheiro que parte para Veneza deixando um cadáver para trás.
Sobre autor:
-
Imprensa:
-
Ler mais »

Novidades

A Mancha Humana de Philip Roth

15:40

P.V.P.: 17,91 € 
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 384
Editora: Dom Quixote

Sobre a obra:
Coleman Silk tem um segredo. Mas não se trata do segredo do caso que mantém, aos setenta e um anos, com uma mulher com metade da sua idade e um passado brutalmente devastado. Também não é o segredo do alegado racismo de Coleman, pretexto para a caça às bruxas desencadeada pela universidade e que lhe custou o emprego e, na sua opinião, lhe matou a mulher.
O segredo de Coleman foi guardado durante cinquenta anos: oculto da mulher, dos seus quatro filhos, dos seus colegas e dos seus amigos, incluindo o escritor Nathan Zuckerman, que - após a morte suspeita de Coleman, com a amante, num desastre de automóvel - resolve compreender como é que aquele homem eminente e íntegro, apreciado como educador durante quase toda a sua vida, forjou a sua identidade e como essa vida tão cuidadosamente controlada acabou por ser deslindada.
Situado na América dos anos 90, onde princípios morais contraditórios e divergências ideológicas são trazidos à luz do dia através da denúncia pública e de rituais de purificação, A Mancha Humana completa a eloquente trilogia de Philip Roth sobre vidas americanas do pós-guerra tão tragicamente determinadas pelo destino da nação como pela «mácula humana» que marca de modo tão indelével a natureza do homem.
Sobre autor:
Escritor norte-americano, Philip Milton Roth nasceu a 19 de Março de 1933, na cidade de Newark, no estado da Nova Jérsia. Filho de um mediador de seguros de origem austro-húngara, tornou-se num grande entusiasta de baseball aos sete anos de idade. Descobriu a literatura tardiamente, aos dezoito.
Após ter concluído o ensino secundário, ingressou na Universidade de Rutgers mas, ao fim de um ano, transferiu-se para outra instituição, a Universidade de Bucknell. Interrompeu os seus estudos em 1955, ao alistar-se no exército mas, lesionando-se durante a recruta, acabou por ser desmobilizado. Decidiu pois retomar os seus estudos, trabalhando simultaneamente como professor para poder prover ao seu sustento, tendo-se licenciado em 1957, em Estudos Ingleses.
Inscreveu-se depois num seminário com o intuito de apresentar uma tese de doutoramento, e perdeu o entusiasmo, desistindo deste seu projecto em 1959. Preferindo dar início a um esforço literário, passou a colaborar com o periódico New Republic na qualidade de crítico de cinema, ao mesmo tempo que se debruçava na escrita do seu primeiro livro, que veio a ser publicado nesse mesmo ano, com o título Goodbye, Columbus (1959). A obra constituiu uma autêntica revelação, comprovada pela atribuição do prémio literário National Book Award. Mereceu também uma adaptação para o cinema pela mão do realizador Larry Peece.
Seguiram-se Letting Go (1962) e When She Was Good (1967), até que, em 1969, Philip Roth tornou a consolidar a sua posição como romancista através da publicação de Portnoy's Complaint (1969, O Complexo de Portnoy), obra que contava a história de um monomaníaco obcecado por sexo. O autor passou então a optar por fazer reaparecer muitas das suas personagens em diversas narrativas. Depois de The Breast (1972), romance que aludia à Metamorfose de Franz Kafka, David Kepesh, o protagonista que se via transformado num enorme seio, torna a figurar em The Professor Of Desire (1977) e em The Dying Animal (2001). Um outro exemplo de ressurgência é Nathan Zuckermann, presente em obras como My Life As A Man (1975), Zuckermann Unbound (1981), I Married A Communist (1998, Casei Com Um Comunista ) e The Human Stain (2000).
Tendo dado início a uma carreira docente em meados da década de 60, e que incluiu a sua passagem por instituições como as universidades de Princeton e Nova Iorque, Philip Roth encontrou muita da sua inspiração em incidentes e ambientes da vida académica.
Em 1991 publicou um volume dedicado à história da sua própria família, Patrimony , trabalho que foi galardoado com o National Critics Circle Award no ano seguinte, uma entre as muitas honrarias concedidas ao autor. Em 1997, Philip Roth ganhou Prémio Pulitzer com Pastoral Americana. Em 1998 recebeu a Medalha Nacional de Artes da Casa Branca e em 2002 o mais alto galardão da Academia de Artes e Letras, a medalha de Ouro da Ficção, anteriormente atribuída a John dos Passos, William Faulkner e Saul Bellow, entre outros. Ganhou duas vezes o National Book Critics Award. Em 2005, Roth tornar-se-á o terceiro escrito americano vivo a ter a sua obra publicada numa colecção completa e definitiva pela Library of America. A publicação do útimo dos oito volumes está prevista para 2013. Em 2011 recebe o Man Booker International Prize, prémio que procura destacar a influência de um escritor no campo da literatura. Trata-se de um reconhecimento do trabalho pessoal, e não de uma obra sua em particular.
Imprensa:
-
Ler mais »

Novidades

Fado Alexandrino (Ed. Comemorativa) de António Lobo Antunes

15:30

P.V.P.: 17,91 € 
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 240
Editora: Dom Quixote

Sobre a obra:
Narra o regresso e reencontro de quatro ex-combatentes da guerra colonial, o modo como a vida se lhes transtornou e se destruiu. A história prende a atenção pela narrativa articulada, por vezes irresistivelmente divertida, em que personagens e caracteres convincentes, bem desenhados, vivem uma intriga de acontecimentos múltiplos e surpreendentes peripécias de timbre trágico e cómico, do quotidiano banal ao sucesso mais insólito.
Sobre autor:
Escritor português nascido em 1942, em Lisboa.Ficcionista e autor de alguns ensaios literários que equacionam a análise psicológica com a criação artística. Formado em Medicina Psiquiátrica, exerceu actividade clínica durante a guerra colonial em Angola, e, posteriormente, em Lisboa, no Hospital Miguel Bombarda. Depois da publicação de Os Cus de Judas (1979), tornou-se um dos mais traduzidos e internacionalmente reconhecidos romancistas portugueses contemporâneos, tendo sido o convidado de honra do "Carrefour des Littératures" realizado em Maio de 2002. A partir desse romance, que fecha uma trilogia de inspiração autobiográfica, que, com Conhecimento do Inferno e Memória de Elefante, descrevia uma descida aos infernos, desde a experiência da guerra colonial até à perda do amor e ao regresso a um mundo de loucos, Lobo Antunes aperfeiçoa, durante a década de oitenta, uma cada vez maior desenvoltura na subversão das convenções narrativas quer do ponto de vista temático quer formal, o que culminaria com o fulgurante sucesso de Auto dos Danados , editado em 1985, obra galardoada com o Grande Prémio de Romance e Novela da Associação Portuguesa de Escritores. O constante cruzamento de vozes e a multiplicação dos pontos de vista; o livre encadeamento dos substratos temporais; a desarticulação da sintaxe narrativa; a metaforização insólita e frequentemente erotizada das descrições; a auto-referencialidade e intertextualidade; a versatilidade de articulação de diversos registos de linguagem e a utilização de um léxico sem censuras, frequentemente agressivo e injurioso; ou a individualização de anti-heróis através dos quais se perspectiva uma realidade abjecta, social, histórica e moralmente degradada, são alguns dos traços que consubstanciaram, desde então, a novidade trazida pela novelística de António Lobo Antunes. Ao mesmo tempo, a autognose cruel do país pré e pós-revolucionário é feita com uma violência e negatividade tais que visam, não o lirismo de uma revolta impotente, mas, pelo contrário, tocando o humor negro, a anulação de qualquer sentimentalismo na dessacralização das imagens de um passado recente e na análise lúcida da loucura e desmoronamento colectivos. Na edição dos prémios União Latina de 2003, o escritor foi distinguido com o prémio de Literatura pelo conjunto da sua obra, que foi definida pelo presidente do júri como "a voz mais expressiva" da realidade portuguesa. Em 2004, pelo seu livro Boa Tarde às Coisas Aqui em Baixo (2003), foi galardoado com o prémio Fernando Namora. Em Março de 2007 foi distinguido com o Prémio Camões, o mais importante galardão literário em Língua Portuguesa, no valor de 100 mil euros.
Ontem Não Te Vi Em Babilónia, publicado em 2006, é o seu último romance.
Imprensa:
-
Ler mais »

Follow on Facebook

Site Meter