A Rapariga que Roubava Livros de Markus Zusak

23:49

P.V.P.: 19,99 € 
Data de Edição: 2014
Nº de Páginas: 236
Editora: Editorial Presença
A Rapariga que Roubava Livros uma história luminosa e deslumbrante, foi agora adaptada ao grande ecrã, num filme rodado em Berlim pela Twentieth Century Fox, com a realização de Brian Percival e a participação dos atores Geoffrey Rush e Emily Watson.

Nomeações:
- Commonwealth Writers Prize for Best Book (South East Asia & South Pacific), 2006.
- Michigan Reading Association Great Lakes Book Award, 2007.

- Rhode Island Teen Book Award, 2008.
Sobre a obra:
Esta história decorre num pequeno subúrbio de Munique, em 1939, durante a Segunda Guerra Mundial. Vive-se um dia a dia difícil, e os bombardeamentos são cada vez mais frequentes. Mesmo assim ainda há quem não tenha perdido a capacidade de sonhar. A Morte, a narradora omnipresente, cansada de recolher almas, observa com compaixão e fascínio a estranha natureza dos humanos. Através do seu olhar intemporal, seguimos a história de Liesel, dos seus pais e de todos os seus amigos e vizinhos, incluindo Max que um dia veio viver na cave da casa da menina que roubava livros.
Sobre autor:
Markus Zusak nasceu em 1975, na Austrália onde reside na cidade de Sydney. Autor já anteriormente premiado, este é o seu quinto romance que foi traduzido em 40 línguas e distinguido com vários importantes prémios e nomeações internacionais. A Rapariga Que Roubava Livros permaneceu 375 semanas na lista de bestsellers do New York Times, e ainda continua presente oito anos após a sua publicação. Markus Zusak está presente nas redes sociais no seu blogue em ZusakBooks.tumblr.com, no Facebook e no Twitter como @Markus_Zusak. Se pretende entrar no debate sobre o livro procure a hashtag #BookThief.
Imprensa:
"Zusak não só cria uma história original e enfeitiçante, como escreve com poesia… Uma narrativa extraordinária." 
School Library Journal 

"Uma narrativa absorvente e marcante."
Washington Post

"Uma história poderosa." 
Booklist

"Brilhante… É um daqueles livros que podem mudar a nossa vida…" 
New York Times

"Perturbador e poético ao mesmo tempo…Parece bem colocado para se tornar um clássico." 
USA Today

"Elegante, filosófico e comovente… Belo e importante." 
Kirkus Reviews

"Um feito… um livro que é um desafio…" 
Publisher’s Weekly

"Inquietante, desafiante, triunfante e trágico… Um livro de grande fôlego, escrito de forma soberba… É impossível parar de o ler." 
Guardian

"Um livro extraordinário, marcante, de grande beleza." 
Sunday Telegraph

"Aos trinta anos, Zusak escreveu um dos livros australianos mais invulgares e cativantes de sempre." 
The Age (Austrália)

You Might Also Like

1 comentários

Follow on Facebook