Flavia de Luce e a Bola de Cristal da Cigana de Alan Bradley

22:30

P.V.P.: 16,97 € 
Data de Edição: 2014
Nº de Páginas: 376
Editora: Editorial Planeta
O terceiro livro da premiada série de investigação, protagonizada pela jovem detective Flavia de Luce, envenenadora de irmãs, que gosta de se deslocar de bicicleta.

Uma série policial para adultos, inesquecível e um fenómeno de vendas internacional, com a assinatura de um grande mestre do crime, autor do best-seller A Talentosa Flavia de Luce.O terceiro livro da premiada série de investigação, protagonizada pela jovem detective Flavia de Luce, envenenadora de irmãs, que gosta de se deslocar de bicicleta.

Uma série policial para adultos, inesquecível e um fenómeno de vendas internacional, com a assinatura de um grande mestre do crime, autor do best-seller A Talentosa Flavia de Luce.
Sobre a obra:
Alan Bradley, o autor canadiano que tem recebido numerosos prémios pelos seus livros, entre eles o prestigiado Debut Dagger Award e o Agatha Award 2009, regressa ao nosso convívio com um novo e sedutor romance policial sobre a encantadora, a insidiosamente esperta, a fleumática detective de 11 anos que dá pelo nome de Flavia de Luce.
O autor usa os cenários do século XIX e as ferramentas limitadas da polícia para construir uma investigação «à Sherlock Holmes».
Flavia de Luce é brilhante, aos 11 anos esta heroína é apaixonada por química e tem como hobby pesquisar venenos e atormentar as duas irmãs mais velhas. Tem um laboratório muito bem equipado. Talvez por tudo isso, ou devido a uma curiosidade acima do normal adora desvendar crimes.
Vive com o pai e as irmãs na antiga mansão Buckshaw, e apesar da personalidade forte e solitária (a única amiga é a bicicleta, Glayds), é no fundo, uma jovem solitária que nunca se conformou com a morte da mãe que mal conheceu, e que não se consegue interessar-se pelas mesmas coisas que as irmãs – que só querem saber de roupas, maquilhagens e namorados.
O pai é um viúvo que ainda sofre com a perda da mulher, e que se isola no escritório com sua preciosa colecção de selos, sem dar importância com o que se passa à sua volta.
A história deste terceiro livro começa com um crime antigo, que nunca foi considerado como tal e um novo, o que leva Flavia a conseguir interligar os dois.
Durante a quermesse de Bishop’s Lacey, Flavia pediu a uma cigana que lhe lesse a sina, mas não estava à espera de, horas mais tarde, já de madrugada, ir encontrar a pobre mulher mergulhada numa poça de sangue no interior da sua caravana.
Teria sido um acto de vingança, perpetrado por algum habitante da terra, convencido de que, anos antes, a cigana raptara e levara consigo uma criança da aldeia?
Flavia é menina para compreender bem o doce sabor da retaliação; com efeito, a vingança é um passatempo com que não pode deixar de se deliciar quem tem duas irmãs mais velhas, ambas odiosas. Mas qual será a relação entre este crime e a criança desaparecida?
À medida que as pistas se vão acumulando, Flavia terá de as analisar com todo o cuidado, a fim de desembaraçar uns dos outros os fios negros de actos e segredos do passado.
Sobre autor:
Alan Bradley nasceu em Toronto, e cresceu em Cobourg, Ontário. Formou-se em engenharia electrónica, e trabalhou em várias estações de rádio e televisão, em Ontário, antes de se tornar director de Engenharia de Televisão.
Resolveu dedicar-se à escrita e publicou vários livros infantis antes de se resolver a escrever para adultos A Talentosa Flavia de Luce que se tornou de imediato um fenómeno.
Ganhou entre outros, o prestigiado prémio Debut Dagger Award e o Agatha Award 2009, um galardão que distingue escritores de policiais, seguidores do estilo de Agatha Christie.

Visite o sítio de Alan Bradley, www.flaviadeluce.com.
E conheça a página de fãs de Flavia na Internet em:
http://flaviafanclub.ning.com
Imprensa:
«Uma das séries de detectives mais deliciosas e inteligentes jamais escritas.»
Chicago Sun-Times

«Uma das criações mais notáveis da literatura actual.»
USA Today

«Um divertimento completo. A reconstrução da época é maravilhosa, mas o que mais delicia é a cintilante narrativa de Flavia.»
Publishers Weekly

«Só quem não gosta de heroínas jovens e precoces, dotadas de um vocabulário notável e de uma coragem plena de audácia, é que pode não gostar deste livro incrivelmente divertido. Ficamos à espera de mais, pela mão do talentoso Bradley.»
Booklist

«Bradley pega naquilo de que o leitor está à espera e subverte-o, presenteando-nos com um mistério inteligente, irreverente e muitíssimo dinâmico.»
Entertainment Weekly

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook