"A Rapariga que Sabia Demais" de M. R. Carey | Nuvem de Tinta

16:00

P.V.P.: 16,11 € 
(à data da publicação deste post)
Data de Edição: 2016
Nº de Páginas: 440
A rapariga que sabia demais, adaptado ao cinema em 2016, teve sucesso imediato, aplaudido por leitores em todo o mundo e pela crítica internacional
Sobre a obra:
Melanie é uma menina muito especial. Tem 10 anos e adora ir à escola, aprender coisas novas, falar com a professora Justineau sobre todas as coisa que fará quando crescer… 
Mas a ida à escola implica aguardar todos os dias na sua cela que homens armados venham buscá-la para a levar, amarrada a uma cadeira de rodas, para a sala de aula. Brinca com eles, diz que não morde. Mas ninguém se ri.
Melanie tem um dom, mas nem todos os dons são uma bênção.
Uma Humanidade moribunda e irrecuperável é o palco de A rapariga que sabia demais, um livro ambicioso e apaixonante, cuja carga emocional esmagadora o destina a ser um dos romances mais marcantes do ano, que chegará também ao grande ecrã.
Sobre autor:
M. R. Carey, pseudónimo de Mike Carey, é um poeta e ficcionista britânico consagrado. Colaborou com as famosas DC e com a Marvel, neste último em publicações como X-Men e Quarteto Fantástico.  
Imprensa:
«Original, empolgante, excelente.» 
Guardian

«Assombroso e comovente.» 
Vogue

«Assustador, tenso e arrebatador… mas de uma profunda ternura.» 
Marie Claire

«Glorioso.» 
The Daily Telegraph

«É fácil esquecermo-nos de respirar enquanto viramos as páginas.» 
Booktopia

«Enigmático e absolutamente viciante.»
Harper’s Bazaar

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook