"O Segredo de João das Regras" de Frederico Duarte Carvalho | Editorial Planeta

16:00

P.V.P.: 15,93 € 
(à data da publicação deste post)
Data de Edição: 2016
Nº de Páginas: 272
Uma história de acção, um thriller emocionante na melhor tradição do género, que vai levar os leitores por uma Lisboa recheada de símbolos e segredos, ao encontro de organizações invisíveis e de uma conjura maquiavélica.

Depois da aventura com O Terceiro Bispo, que nos levou até ao Vaticano e aos bastidores da História recente e da história do milagre de Fátima, o jornalista desempregado Joaquim Barata vê-se, desta vez, envolvido numa conspiração de uma facção monárquica para evitar que seja conhecido, e reconhecido, o verdadeiro herdeiro do trono de Portugal.

Uma lição da história esquecida de Portugal a bordo de um tuk-tuk e uma corrida contra o tempo para que Lisboa não se torne mais um sinónimo de terror a nível mundial.
Entre a Praça da Figueira e o Largo do Camões, seis séculos de História nos contemplam.
Sobre a obra:
Quantos segredos estão em plena vista pelas ruas de Lisboa sem que ninguém os decifre?

Joaquim Barata, o jornalista que sofre de curiosidade insaciável, está remetido a uma vida pacata e a trabalhos de subsistência.
Mas o SIAC vem pôr termo a essa paz doméstica, na pessoa de Orlando Neves e de um pedido aparentemente inocente: ir a um consultório médico perguntar a um reputado psiquiatra da capital o que sabe ele do chamado segredo de João das Regras...
A partir daqui, Joaquim Barata vê-se envolvido numa trama que lhe prova uma vez mais que se «a curiosidade matou o gato» o pode também matar a ele.
Mas estão em jogo muitas mais vidas: as de todos aqueles que calhem a passar numa das mais populosas praças da cidade à hora em que lhe é marcado um encontro propositadamente fatal.
Avisar as vítimas é impossível – resta-lhe confiar nos recursos dos homens da secreta para neutralizarem o assassino e perceber porque é tão letal O Segredo de João das Regras...
Sobre autor:
Frederico Duarte Carvalho nasceu no Porto em 1972. 
Trabalhou como jornalista no diário O Primeiro de Janeiro e no semanário Tal&Qual e foi editor de política na revista Focus.
É autor dos livros Vítor Batista - O Maior, Capitão Roby, Eu Sei Que Você Sabe, Abril Sangrento, Poeta & Espião, A Mensagem Brown, O Enigma da Praia da Luz, Estado de Segredos, Cavaco Versus Cavaco, e, na Planeta, do livro de investigação Camarate - Sá Carneiro e as Armas para o Irão e das ficções O Homem Que Era Salazar e O Terceiro Bispo, onde se iniciaram as investigações do jornalista lisboeta Joaquim Barata, que prosseguem no presente livro.
Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook