"Oferenda à Tempestade" de Dolores Redondo | Editorial Planeta

16:00

P.V.P.: 18,86 € 
(à data da publicação deste post)
Data de Edição: 2016
Nº de Páginas: 488
O QUE SE DESTACA NESTA TRILOGIA
A protagonista, Amaia Salazar, uma inspectora da Polícia Foral, mulher forte, determinada e competente, chefia uma investigação macabra. Uma mulher independente mas ensombrada pelo passado.
A atmosfera misteriosa do vale de Baztán é a grande personagem de fundo.
A riqueza da descrição dos locais do crime, denota uma profunda investigação da autora.
A exploração da vida pessoal e segredos das personagens que a autora desenvolve de forma paralela no decorrer da investigação.
Os elementos místicos da história: a imprensa dá um nome ao perigoso assassino em série, Basajaun, uma vez que desaparece sem deixar rasto, e deixa os cadáveres de raparigas adolescentes em cenas macabras: afogadas com cordas, roupas rasgadas, pêlos púbicos rapados e as mãos dispostas em posição virginal.
A diferença: uma história poderosa onde o imaginário e a mitologia se entrecuzam na vida real.
Sobre a obra:
Já passou um mês desde que a inspectora da Policía Foral recuperou o filho e prendeu Berasategui. Contudo, apesar de tanto a Guardia Civil como o juiz Markina darem Rosario como morta, Amaia sente que não está livre de perigo, um desassossego que só Jonan compreende.
A morte súbita de uma menina em Elizondo é suspeita: o bebé apresenta marcas avermelhadas no rosto que indicam que existiu pressão digital e o pai da criança tenta roubar o cadáver.
A bisavó da pequenita defende que a tragédia é obra de Inguma, o demónio que imobiliza os que dormem, que lhes bebe a respiração e lhes arrebata a vida durante o sono.
No entanto, serão as análises forenses do doutor San Martín que convencem Amaia Salazar a investigar outras mortes de bebés, que depressa revelarão um rasto inaudito no vale.
Berasategui morre, de forma inexplicável na cela, o que desencadeia uma trepidante investigação que levará Amaia à verdadeira origem dos acontecimentos que assolam o vale de Baztán. E entretanto, vinda do bosque, uma impressionante tempestade chega para sepultar a mais demolidora verdade.
Sobre autor:
Nasceu em Donostia-San Sebastián em 1969. O Guardião Invisível, o primeiro romance da Trilogia do Baztán, granjeou-lhe o entusiasmo de editores de inúmeros países e hoje são já 23 as chancelas editoriais que publicaram a obra em todo o mundo.
Foi aclamada pela crítica como uma das propostas mais originais e contundentes do thriller em Espanha, e está programada a versão cinematográfica pela mão dos produtores da trilogia Millennium.
Imprensa:
«Três romances policiais de alto nível, com uma protagonista fascinante e um belíssimo olhar sobre a mitologia basca»
Isabel Allende

«Dolores Redondo inova como poucos escritores conseguem num tempo tão saturado de livros policiais.»
João Céu e Silva, Diário de Notícias

«Legado nos Ossos segue a estrela de O Guardião Invisível, mas é um romance de maior maturidade, com mais interesse do que o anterior.» 
El Correo Español 

«Mito e realidade misturam-se neste sofisticado e acutilante thriller. Todos os esqueletos batem às portas para serem libertados e são-no nesta enérgica, fascinante e cativante história.»
Steve Berry, autor best-seller do The New York Times

«O pano de fundo basco dá a este thriller uma força especialmente intrigante de profundidade; as superstições e mitologias desde os dias da Inquisição espanhola penetram no mistério de tal forma que o leitor se sente transportado.»
Library Journal

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook

Site Meter