Editora Guerra & Paz | "Eu Como Sem Glúten" de Marion Kaplan e Audrey Etner

11:00

P.V.P.: 13,95 € 
(à data da publicação deste post)
Nº de Páginas: 208

Sobre a obra:
A maior parte da nossa alimentação contém glúten, uma proteína do trigo e outros cereais. Devido ao seu consumo em excesso, sofremos no dia-a-dia pequenos males, mais ou menos incómodos: distúrbios intestinais, problemas de pele, dores nas articulações, excesso de peso… Com tudo isto, como podemos recuperar o bem-estar e a vitalidade?

Marion Kaplan e Audrey Etner propõem-nos um guia prático e pedagógico, divertido e descomplexado para compreender porque se deve e como se deve comer sem glúten, sem nos privarmos de nada nem passarmos a viver numa caverna!

• Descubra quais são os problemas que o trigo nos pode provocar.
• Conheça facilmente que alimentos devemos privilegiar ou evitar.
• Aprenda as técnicas essenciais para cozinhar sem glúten.
• Experimente os melhores truques para comer fora sem se preocupar.

É hora de começar a escutar o nosso corpo e mudarmos os nossos hábitos alimentares. Porque uma boa alimentação é a chave para uma vida saudável!

Sobre autor:
Marion Kaplan, é uma nutricionista francesa, autora de 15 livros sobre saúde. Explora as questões ligadas à alimentação e aos problemas alimentares há mais de trinta anos, abordando diversos regimes, como o vegetarianismo e o método Kousmine. Foi um caminho iniciado devido aos seus próprios problemas de saúde e para os quais a medicina não encontrava as melhores respostas. Os seus trabalhos valeram-lhe já diversas distinções.

Audrey Etner, é consultora editorial. Desde sempre apaixonada pela escrita, manteve um blogue sobre estilos de vida saudáveis e foi chefe de redacção da revista FemininBio. Celíaca com a doença auto-imune causada pela permanente sensibilidade ao glúten desde a ado-lescência e agora mãe, está comprometida no debate sobre os assuntos que a apaixonam, nomeadamente as questões ligadas à alimentação e à ecologia. Diz que estará «sempre ao lado de todos aqueles felizes utópicos que querem mudar o mundo».

Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook

Site Meter