Porto Editora | "Fátima - A profecia que assusta o Vaticano" de João Céu e Silva

14:00

P.V.P.: 13,95 € 
(à data da publicação deste post)
Nº de Páginas: 272

Sobre a obra:
A pouco tempo da celebração do centenário das aparições de Fátima ainda há muito por explicar, nomeadamente a razão pela qual todos os papas após Paulo VI se sentiram obrigados a deslocar-se pessoalmente ao Santuário. No epicentro dessa decisão está o terceiro segredo dos Pastorinhos, revelado por João Paulo II e uma das maiores ameaças ao Vaticano: o anúncio da morte de um «bispo vestido de branco». Este mistério é um dos assuntos tratados no novo livro do jornalista João Céu e Silva, Fátima – A profecia que assusta o Vaticano.

Recorrendo a depoimentos dos mais altos responsáveis do Santuário, bem como de teólogos reputados, historiadores e especialistas em questões religiosas, João Céu e Silva apresenta toda a história deste século em que a Cova da Iria se tornou um dos principais centros de peregrinação mundial e explica como a construção do mito de Fátima se impôs a toda a Igreja Católica e o culto se propagou em todas as direções.

A 13 de maio de 1917 três pastorinhos analfabetos tornaram-se o símbolo de uma Mensagem, já comparada pela Igreja aos textos da Sagrada Escritura, e fizeram de Fátima um santuário que atrai milhões de peregrinos todos os anos, superando os grandes centros de fé mundiais.
Esta mensagem continha uma profecia tão ameaçadora que o papa Pio XII depositou o envelope onde está escrita no Arquivo Secreto do Santo Ofício e proibiu a sua divulgação. O Segredo tem obrigado todos os sumos pontífices (desde a eleição de Paulo VI) a vergarem--se às exigências de Lúcia e a prestarem vassalagem pessoalmente à Senhora da Cova da Iria.

Desde então nenhum papa deixou de ir à Praça Branca – assim chamada por oposição à Praça Vermelha de Moscovo –, ou de submeter o seu pontificado à proteção de Nossa Senhora, como fez o papa Francisco nos dias imediatos à sua nomeação. Já antes, enquanto teólogo, Bento XVI elaborara uma polémica explicação para a terceira parte do Segredo.
Nesta sua investigação, João Céu e Silva procura explicar Fátima em toda a sua dimensão, enriquecendo-a com depoimentos de teólogos portugueses e estrangeiros, bem como de responsáveis do próprio Santuário. E revela a razão que teima em assustar o Vaticano relativamente à terceira parte do Segredo, que João Paulo II tão bem utilizou para explicar o atentado de que foi vítima.


Sobre autor:
João Céu e Silva nasceu em Alpiarça, em 1959, licenciou-se em História durante os anos em que viveu no Rio de Janeiro e é, desde 1989, jornalista do Diário de Notícias.
Fátima – A profecia que assusta o Vaticano é a sua terceira investigação histórica, após 1961 – O ano que mudou Portugal e 1975 – O ano do furacão revolucionário, que se seguiram à série de investigação literária Uma longa viagem com os escritores José Saramago, António Lobo Antunes, Álvaro Cunhal, Manuel Alegre e Miguel Torga. Em 2013 recebeu o Prémio Literário Alves Redol pelo romance A Sereia Muçulmana, uma das suas obras de ficção publicadas.

Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook

Site Meter