Dom Quixote | "As Virgens Suicidas" de Jeffrey Eugenides

13:58

P.V.P.: 15,21 € 
(à data da publicação deste post)
Nº de Páginas: 256


Sobre a obra:
Adaptado ao cinema por Sofia Coppola, com Kirsten Dunst num dos principais papéis, esta é a história assombrosa e terna das breves vidas das cinco irmãs Lisbon - belas, excêntricas e obsessivamente vigiadas por todo o bairro -, que se suicidam uma a uma no espaço de um ano.



Este suicídio marca para sempre os jovens rapazes da vizinhança, que viveram e sofreram com elas... à distância. Vinte anos mais tarde, tentam reconstituir os acontecimentos, reféns ainda da fascinação e da obsessão provocadas pelas misteriosas irmãs: Therese, a intelectual; Mary, a coquete; Bonnie, a asceta; Lux, a libertina; e a pálida e mística Cecilia.

Justapondo o comum e o gótico, o humor negro e a tragédia, Jeffrey Eugenides cria um vívido e comovente retrato das emoções da juventude e da perda da inocência. Aclamado de imediato pela crítica e pelo público, As Virgens Suicidas é uma terna e perversa história de amor e terror, sexo e suicídio, memória e imaginação.

Sobre autor:
Jeffrey Eugenides nasceu em Detroit, nos EUA, em 1960. O seu primeiro romance, "As virgens suicidas", foi publicado em 1993 com grande sucesso, tendo sido traduzido para 15 idiomas e adaptado para o cinema em 1999, num filme homónimo dirigido por Sofia Coppola. Com o segundo livro, "Middlesex", Eugenides ganhou o Pulitzer e o Circle Award em 2003, além de ter sido nomeado para o National Book Award e o Lambda Literary Award. Os seus contos já ocuparam as páginas de publicações como The New Yorker, The Paris Review,The Yale Review, Best American Short Stories e Granta's Best of Young American Novelists, entre outras.

Imprensa:
-

You Might Also Like

1 comentários

Follow on Facebook