Elsinore | "Distância de Segurança" de Samanta Schweblin

13:00

P.V.P.: 13,49 € 
(à data da publicação deste post)
Nº de Páginas: 128


Sobre a obra:
«Eu penso sempre no pior dos casos. Agora mesmo estou a calcular quanto tempo demoraria a sair a correr do carro e a chegar até junto da Nina se ela de repente corresse até à piscina e se atirasse. Chamo-lhe "distância de segurança", é assim que chamo a essa distância variável que me separa da minha filha, e passo metade do dia a calculá-la, embora arrisque sempre mais do que devia.»

Amanda está às portas da morte numa cama de hospital. A seu lado, a fazer-lhe companhia, está um menino chamado David. Juntos contam-nos uma história de toxinas, desespero e do poder da família.

Num apaixonante primeiro romance, Samanta Schweblin coloca-nos repetidamente perante questões que optamos por evitar: Existe algum apocalipse que não seja pessoal? Qual é o ponto exato em que, sem o sabermos, damos um passo em falso e nos condenamos? Até onde nos é possível controlar o mundo em redor?

Distância de Segurança é um relato hipnótico e vertiginoso sobre o amor e a perda, sem medo de mostrar que nada é um cliché quando, no final, acaba por nos acontecer.

Sobre autor:
Samanta Schweblin nasceu na Argentina, em 1978.

O seu primeiro livro, El Núcleo del Disturbio, venceu o Concurso Nacional Haroldo Conti, em 2001, e, em 2008, o Prémio Casa de las Americas com o seu livro La Furia de las Pestes, tendo sido considerada uma das 22 melhores escritoras em espanhol pela revista Granta, em 2010.

Em 2017 integra a longlist da edição de 2017 do Prémio Man Booker Internacional com o romance Distância de Segurança.

Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook