"Guerreiro Verde" de Filipe Garcia


Autor: Filipe Garcia
P.V.P.: 12,95 € (aqui)
Data 1ª Edição: 2011
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-20-4065-5
Nº de Páginas: 200
Dimensões: - x - mm
Colecção: -
Editora: Livros d'Hoje


Sobre a obra:
A vida de um português ao serviço da Greenpeace.

Manuel Pinto nasceu no Porto, cresceu no Luxemburgo e cedo descobriu o gosto pelas viagens. Tornou-se punk, trabalhou em fábricas e em armazéns de armamento, mas foi quando entrou na Greenpeace que a vida mudou.
Começou por ajudar na manutenção dos barcos da organização e chegou a responsável internacional pela coordenação da frota. Foi agredido e preso, esteve nos protestos contra os ensaios nucleares em Muroroa, combateu os alimentos transgénicos em Lisboa e passou três anos entre índios e perigosos madeireiros na selva amazónica. Hoje, da sede em Amesterdão, acompanha à distância todos os protestos da maior organização ecologista do mundo. Uma vida em português na defesa da Terra.

Sobre autor:
Filipe Garcia. Há 31 anos que é alfacinha, mas há 16 que se tornou cidadão honorário das praias do Baleal. Depois de estudar no Liceu Camões, licenciou-se em História na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e especializou-se no CENJOR. Nos jornais, estreou-se em 2001 na redação do Record e passou pelas revistas Focus e Sábado antes de chegar ao Diário Económico. Cobriu as áreas de Desporto, Cultura e Política. Não há livros do Gabriel García Márquez, nem discos do Jimi Hendrix que não tenha, mas ainda está a tentar completar a discografia do John Coltrane. Em pequeno sonhava chegar a grande para ser como o Bob Woodward e… ainda não desistiu.
Em 2010, recebeu o Prémio de Reconhecimento Jornalístico atribuído pela Câmara Municipal de Peniche pelo trabalho «Supertubos que valem milhões».
"Guerreiro Verde" de Filipe Garcia "Guerreiro Verde" de Filipe Garcia Reviewed by Clube dos Livros on agosto 27, 2011 Rating: 5

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.