Editorial Presença | "O Assassinato de Sócrates" de Marcos Chicot

janeiro 09, 2019

22,41 € | 640 pág


Sobre livro:
Grécia, século V a. C. Um oráculo sombrio vaticina a morte de Sócrates. Um recém-nascido é condenado a morrer por vontade do seu próprio pai. Uma guerra sangrenta entre Atenas e Esparta divide a Grécia. Um livro que recria magistralmente uma das épocas históricas mais extraordinárias de sempre. 

Mães que lutam pelos seus filhos, amores impossíveis e guerreiros que se esforçam por sobreviver entrelaçam-se de uma forma fascinante com os governantes, os artistas e os pensadores que conduziram a Grécia clássica ao apogeu da nossa civilização. 

Ao longo das páginas deste absorvente romance, destaca-se de modo fulgurante a figura inigualável de Sócrates, o homem cuja vida e morte nos inspiram há mais de dois milénios, o filósofo que marca um antes e um depois na história da humanidade.

Sobre autor:
Marcos Chicot nasceu em Madrid, em 1971. É licenciado em Psicologia Clínica, Psicologia do Trabalho e Economia. Para além de O Assassinato de Sócrates, é autor de outros três romances, entre os quais O Assassinato de Pitágoras, já publicado pela Editorial Presença, o qual foi distinguido em 2015 com o Prémio para a Cultura Mediterrânea, atribuído à melhor obra de ficção literária publicada em Itália. Foi igualmente galardoado com o Prémio Francisco Umbral e o Prémio Internacional Rotary Club de Romance. Foi ainda finalista de vários prémios literários, como o Prémio Planeta pelo seu mais recente livro, que agora se publica em língua portuguesa.
Pertence à organização Mensa, e doa dez por cento das receitas obtidas com as vendas dos seus romances a fundações de apoio a pessoas com deficiência.
É casado e tem dois filhos.

Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook