Marcador | "A Biblioteca Secreta de Leonardo" de Francesco Fioretti;

março 15, 2019

15,21 € | 264 pág


Sobre livro:
Thriller com Leonardo da Vinci
Um grande génio sempre em busca da verdade.
Um famoso matemático confrontado com um homicídio terrível.

Milão, 1496. Leonardo da Vinci estava desejoso de conhecer o frade Luca Pacioli, famoso matemático e aprendiz de Piero della Francesca. Enquanto espera na cela do mosteiro do frade, Leonardo debruça-se sobre uma pintura, surpreendido com as suas alegorias e as suas referências à geometria euclidiana: cada detalhe devia ter sido escolhido pelo próprio Pacioli. Para Leonardo, sedento de conhecimento, a matemática, que ele não tivera oportunidade de aprender, sempre fora a mais sublime de todas as ciências. 

Foi para aprender com ele que convidou o frade franciscano a ir a Milão. O encontro de ambos, no entanto, é perturbado pelo assassínio do ocupante da cela ao lado da de Pacioli: um autointitulado sacerdote que é, na realidade, um ladrão. Roubara alguns textos bizantinos antigos chegados a Itália após a ruinosa cruzada de Sigismondo Malatesta na Moreia. Leonardo e Pacioli têm um grande interesse nesses livros que desapareceram com o assassino...

Neste quadro inesquecível da Itália renascentista, Francesco Fioretti guia-nos através dos anos mais prolíficos e intrigantes de Leonardo - os da Última Ceia, do Homem de Vitrúvio, da criação de máquinas surpreendentemente modernas - envolvendo-nos numa atmosfera cheia de mistério durante a investigação de um crime.

Sobre autor:
Francesco Fioretti (1960) é professor de literatura italiana. Entre 2012-15 fez o seu doutoramento na Universidade de Eichstätt, Alemanha. Il libro segreto di Dante, o seu romance de estreia (2011) recebeu excelentes críticas, chegou às listas de bestsellers italianos e permaneceu lá durante meses. Escreveu ainda Il quadro segreto di Caravaggio, La Profezia di Dante (2012 e 2013) e La Selva Oscura. Il grande romanzo dell’Inferno, a primeira versão em prosa moderna do Inferno de Dante, publicada em 2015.

Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook