Melo e Castro - O provedor que dizia sim à democracia de Joana Reis

00:27

P.V.P.: 13,05 €
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 152
Editora: Casa das Letras

Sobre a obra:
Este livro conta a história de vida de um homem que fez carreira no quadro político do Estado Novo, um apoiante de primeira linha de Marcello Caetano, arrojado, inquieto e destemido, empenhado numa evolução para a democracia, sem revolução, semelhante àquela que veio a cumprir-se em Espanha, com Adolfo Suárez.

Melo e Castro pela proximidade que tinha com o Presidente do Conselho foi o mentor da «Ala Liberal» no processo de transição no Parlamento e o seu desaparecimento prematuro foi um dos factores determinantes para o bloqueio de qualquer abertura do regime.

O livro percorre os vários cargos que ocupou no Estado Novo, com destaque para os anos em que foi Subsecretário de Estado da Assistência Social de Salazar, mas mostra sobretudo a vasta obra e a marca que deixou como Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. Desde os ensinamentos do colégio dos jesuítas aos anos de boémia como estudante na Universidade de Coimbra, aqui se conta o percurso de vida entrelaçado com episódios da história, mas também se revelam alguns dissabores e nalguns casos guerras acesas, a mais grave das quais o obrigou a deixar a Misericórdia há cinquenta anos.
Sobre autor:
Joana Reis, natural de Sintra e nascida em 1980, é jornalista na secção de política da TVI desde 2004. Licenciada em Comunicação Social e Cultural pela Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica Portuguesa, fez igualmente um mestrado em Ciência Política pelo Instituto de Estudos Políticos da mesma instituição. Publicou em 2010, na Casa das Letras o livro A Transição Impossível: a Ruptura de Francisco Sá Carneiro com Marcello Caetano.
Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook