As Cinquenta Baboseiras de Toni de Rossella Calabro

00:17

P.V.P.: 10,98 €
Data de Edição: 2013
Nº de Páginas: 136
Editora: Editorial Planeta
O lado B da trilogia mais quente do ano que já é best-seller em Itália e Espanha. Uma paródia ao garboso senhor Grey, que não passa de ficção quando comparado aos Tonis da nossa terra, esses sim, homens reais.
Sobre a obra:
O senhor Grey é lindo, rico, sensível, misterioso e sexy.
E é o protagonista do fenómeno literário do ano: a trilogia As Cinquenta Sombras de Grey.
Há só um pequenino problema: este senhor Grey não existe.
E o Toni? O Toni claro que existe.
Onde o Grey conversa garbosamente com a amada, o Toni recita o alfabeto inteiro arrotando.
Se o senhor Grey toca de forma magistral piano, o Toni fica escarrapachado no sofá.
O Toni, em suma, é o nosso companheiro-marido-amante, com quem nos encontramos à frente no exacto momento em que paramos de sonhar acordadas com o fatal Grey literário. Menos fascinante, mas muito mais divertido e com pelo menos cinquenta razões narradas neste livro hilariante.

O Toni esconde-se dentro de T-shirts decoradas a gordura, e em vez da leitura refinada prefere o último número do jornal A Bola.
Bem, há qualquer coisa que falta ao senhor Grey: ser amado por provocar um sorriso.
Se depois de ler de um só fôlego a trilogia de E. L. James se perguntar quem é o exemplar de homem que ressona alto ao seu lado, então, este é o livro certo para descobrir.
E o mais importante, para rir.
Porque, afinal, o riso é a coisa mais erótica que existe.

O senhor Grey é lindíssimo.
Olhos: cinzentos como o céu antes de uma tempestade hormonal.
Mãos: grandes como o amigo solitário que se situa abaixo da cintura.
Cabelos: que dão para fazer um ninho.

E o Toni?
Olhos: dois.
Mãos: também.
Cabelos: heróicos. Podem ser admirados perto do monumento aos Caídos erigido em sua homenagem.
Sobre autor:
Rossella Calabró, milanesa, é escritora, copywritter e bloguer.
Tem uma insana paixão por gatos e pelo pandoro (que utiliza de diversos modos). Escreve desde os cinco anos. Publicou quatro livros, incluindo Di matrigna ce n’è una sola na Sonzogno e o e-book Perché le donne sposano gli opossum?, na Emma Books. Quando leu As Cinquenta Sombras de Grey, não resistiu e escreveu este livro.
Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook

Site Meter