Leya | "A Geração da Utopia" de Pepetela

09:30

P.V.P.: 9,00 € 
(à data da publicação deste post)
Nº de Páginas: 384

Sobre a obra:
A Geração da Utopia é o retrato sofrido dos angolanos que sonharam edificar a epopeia das lutas pela independência mas que logo se frustraram com a guerra civil que a sucedeu, das glórias e das sombras que marcaram esses longos anos de permanente conflito, e do descontentamento e da indiferença que insidiosamente se tornaram o estigma de tantos desses homens e mulheres que fizeram, apesar de tudo, um país novo.

«- Tenho de ir, Marta. Deves compreender o gesto do Aníbal, libertou-te porque não tem nada para te dar. Esqueces que tem uma revolução pela frente.»
Não posso dizer se há um (?) epílogo feliz, mas é um livro muito importante. Para Angola e para o mundo. E a literatura, por vezes, é o inexplicável resultado desses cruzamentos íntimos e históricos.

ONDJAKI, in Prefácio

Sobre autor:
Pepetela (Artur Carlos Maurício Pestana dos Santos) nasceu em Benguela, Angola, em 1941. Frequentou o Ensino Superior em Lisboa mas acabou por licenciar-se em Sociologia, em Argel, durante o exílio. Iniciou a sua actividade literária e política na Casa dos Estudantes do Império. Como membro do MPLA, participou activamente na governação de Angola, após o 25 de Abril. 
A partir de 1984, foi professor na Universidade Agostinho Neto, em Luanda, e tem sido dirigente de associações culturais, com destaque para a União de Escritores Angolanos e a Associação Cultural Recreativa Chá de Caxinde.
A atribuição do Prémio Camões (1997) confirmou o seu lugar de destaque na literatura lusófona.

Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook

Site Meter