Edições ASA | "O Ministério da Felicidade Suprema" de Arundhati Roy

12:15

P.V.P.: 17,91 € 
(à data da publicação deste post)
Nº de Páginas: 464


Sobre a obra:
Num cemitério da cidade, Anjum desenrola um tapete persa puído entre duas campas. Num passeio de betão surge um bebé, como que do nada, num leito de lixo. Num vale coberto de neve, um pai escreve à filha de cinco anos, falando-lhe do número de pessoas que estiveram presentes no seu funeral. 
Num apartamento, sob o olhar atento de uma pequena coruja, uma mulher solitária alimenta uma osga até à morte. E, na Jannat Guest House, duas pessoas dormem abraçadas como se tivessem acabado de se conhecer.

Uma viagem íntima pelo subcontinente indiano, desde os bairros superlotados da Velha Deli e os centros comerciais reluzentes da nova metrópole às montanhas e os vales de Caxemira, com um elenco glorioso de personagens inesquecíveis, apanhadas pela maré da História, todas elas em busca de um porto seguro. Contada num sussurro, num grito, com lágrimas e gargalhadas, é uma história de amor e ao mesmo tempo uma provocação. Os seus heróis, presentes e defuntos, humanos e animais, são almas que o mundo quebrou e que o amor curou. E, por este motivo, nunca se renderão.
Vinte anos após o enorme sucesso de O Deus das Pequenas Coisas surge o tão aguardado segundo romance da inigualável Arundhati Roy.


Sobre autor:
Arundhati Roy cursou Arquitectura na Universidade de Nova Deli e foi autora de guiões para séries televisivas e filmes. Com este seu primeiro romance – traduzido em dezassete línguas e que constituiu um acontecimento em todos os países onde foi publicado – obteve o Booker Prize de 1997. 
Vive actualmente em Nova Deli.

Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook

Site Meter