Cultura Editora | "O Homem que Plantava Árvores" de Jean Giono

12:30

P.V.P.: 9,00 € 
(à data da publicação deste post)
Nº de Páginas: 96


Sobre a obra:
Uma história inesquecível como O Principezinho de Saint-Exupéry e Siddhartha de Herman Hesse. Com milhões de exemplares vendidos, este livro emocionou e inspirou várias gerações ao longo de décadas, em todo o mundo, e serve de parábola para os tempos modernos.
O homem que plantava árvores conta a história de um jovem que, em 1913, sozinho, atravessa os Alpes franceses em busca da natureza e da paz, longe das grandes cidades, acabando por encontrar o abandono humano e a desertificação de uma paisagem desoladora. Há dias sem água, cruza-se com um velho pastor e as suas ovelhas. O pastor dá-lhe água, comida e abrigo, e revela-lhe a sua missão de vida: plantar centenas de árvores por dia a fim de recuperar a floresta.

Sobre autor:
Jean Giono nasceu em 1895, filho único de um sapateiro e uma lavadeira, foi um dos grandes escritores franceses da sua geração. A sua prodigiosa produção literária inclui histórias, ensaios, poesia, peças de teatro, traduções e mais de 30 romances. Foi galardoado com o Prix Bretano, o Prix de Mónaco (pela totalidade da sua obra), a Légion d'Honneur, e era membro da Académie Goncourt.
Escreveu O Homem Que Plantava Árvores por volta de 1953.

Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook