Opinião: "Beatriz e Virgílio" de Yann Martel



mais informação acerca do livro neste link

_- Livro já à venda -_

Opinião:
Uma obra fantástica com um enredo espectacular.
A início na minha leitura, vá até à página 21, estava a ficar um pouco desapontado relativamente às altas expectativas que tinha estipulado para este livro, mas depois lá me entusiasmou daí para a frente adorei.
Esta obra retrata a vida de Henry, que é um escritor famoso, e com bastante reputação, mas que se depara com um problema relativamente ao seu novo livro sobre horrores passados no Holocausto lhe são impostos problemas pela editora com os e livreiros, onde decide então sair do seu país com a sua esposa e viver a sua nova vida tendo como notícia da sua esposa que iria ser pai, e indo trabalhar para o The Chocolate Road, e onde devido à impossibilidade de receber dinheiro, recebe pelo seu trabalho, acções.
Durante a sua estadia por este emprego, uma personagem de nome Henry, que é encontrado numa loja de animais embalsamados, com expectativa de obter ajuda por parte do famoso autor Henry, mas não sabendo como lhe pedir este ajuda, envia-lhe uma carta, tal como outros leitores, mas onde este lhe envia na sua carta duas histórias contendo várias passagens salientadas por um marcador, sendo este excerto do autor Flaubert com o título "A Lenda de São Julião Hospitaleiro". Juntamente com este vem uma segunda história sobre dois animais, um macaco de nome Virgílio e uma burra de nome Beatriz, que falam sobre uma peça de fruta - uma pêra.
Henry, o autor, decide então começar a procura do autor do excerto e vai então ter à loja de animais embalsamados e dessa forma conhece Henry. A Henry é dada conhecer o resto da história de dos dois animais que dialogavam acerca da fruta, e à medida que ambos se conhecem (Henry e Henry), vai-se deparar que aqueles diálogos são uma metáfora daquilo que lhe havia sido bloqueado pelo editor, o Holocausto.
Quanto à minha opinião, podem e devem ler, que não se vão arrepender mesmo, valeu muito a pena esta obra.


Ler Excerto
Opinião: "Beatriz e Virgílio" de Yann Martel Opinião: "Beatriz e Virgílio" de Yann Martel Reviewed by Clube dos Livros on julho 06, 2010 Rating: 5

2 comentários:

  1. Obrigado pela sua crítica ao livro 'Beatriz e Virgílio'. Tive dificuldade em lê-la porque o seu português (eminentemente oral, sem que consiga perceber de que zona do país) é horrível.
    Cumprimentos,
    C.Moura

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia
      Desde já agradeço pelo seu desnecessário comentário e se diga de passagem também desnecessária visita.
      Sendo mais "poupado" e directo na minha resposta, o seu comentário ou participação neste blogue, não tem qualquer mais valia ou aproveitamento para quem o visita, desta forma assim peço para que não haja perdas de tempo quer do meu lado quer do vosso, em escrever e eu publicar, não regresse se o desagrado é assim tanto.
      Ficarei grato por tal postura de sua parte

      Eliminar

Com tecnologia do Blogger.