"Pagadores de Crises" de José Goulão


Autor: José Goulão
P.V.P.: 16,50 €
Data 1ª Edição: 2010
Nº de Edição:
ISBN: -
Nº de Páginas: 216
Dimensões: - x - mm
Colecção: -
Editora: Sextante Editora
Ensaio de José Goulão defende que a crise de que tanto se fala é um sistema político em que o voto de todos garante o bem-estar de apenas alguns.

Em vésperas da votação do Orçamento de Estado 2011, dia 28 de Outubro, a Sextante Editora publica Pagadores de Crises, um ensaio da autoria de José Goulão, jornalista há 40 anos com actividade dominante na área de informação internacional e que actualmente colabora com os
deputados do Bloco de Esquerda no Parlamento Europeu.

Incidindo sobre um tema polémico e actual, este livro promete reacender o debate: defende que a crise não surge ocasionalmente, é antes um sistema que tem vindo a consolidar-se em todo o mundo e que procura sempre beneficiar os mais fortes abusando dos mais fracos; afirma que a União Europeia é um projecto que falhou; analisa o papel dos nossos políticos actuais e chama os cidadãos, os pagadores de crises, à luta pelos seus direitos.

A apresentação deste livro estará a cargo de Miguel Portas e de Manuel Carvalho da Silva e irá realizar-se no dia 5 de Novembro, pelas 18:30, na livraria Pó dos Livros, em Lisboa.
Sobre a obra:
Entre o Chile de Pinochet e a França de Sarkozy, a Inglaterra de Thatcher e a Alemanha de Merkel, a América de Reagan e a Europa de Barroso há diferenças, mas também semelhanças. Que sentimos na pele, nós, os pagadores de crises. Viajamos aqui pela história política e social do mundo nas últimas quatro décadas. Em muitos aspectos de cidadania o mundo regrediu aos tempos da II Guerra Mundial. E «a crise» é a versão consolidada do sistema neoliberal.

Sobre o autor:
José Goulão é jornalista há 40 anos. Ao longo da sua carreira relatou, investigou e comentou alguns dos principais acontecimentos nacionais e, principalmente, internacionais das últimas décadas. Fê-lo escrevendo em jornais, revistas e livros, aos microfones de estações de rádio, perante câmaras de várias televisões. Cobriu guerras e negociações de paz, presenciou massacres de populações indefesas e festas de liberdade, sublevações e vagas repressivas, derrubes e nascimentos de muros.
O seu caminho profissional coincidiu com o nascimento, apogeu e ocaso prolongado de um regime económico-político fundamentalista tornado global: o capitalismo neoliberal. Este livro é incursão jornalística e documental através desse regime desde os primórdios sangrentos do Chile de Pinochet até à sua expressão mais actual – a crise institucionalizada como sistema de governo financiado pela comunidade dos cidadãos em proveito de uns poucos.

"Pagadores de Crises" de José Goulão "Pagadores de Crises" de José Goulão Reviewed by Clube dos Livros on outubro 24, 2010 Rating: 5

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.