Relógio d'Água | "O Homem Invisível" de H. G. Wells

17:45

P.V.P.: 13,50 € 
(à data da publicação deste post)
Nº de Páginas: 200


Sobre a obra:
Em O Homem Invisível, H. G. Wells narra a transformação de um homem até a um estado de brutalidade, causado pelo seu fascínio pela ciência.



Griffin — um homem com o rosto coberto por ligaduras, olhos ocultos por detrás de uns óculos escuros e mãos cobertas — é o novo hóspede em The Coach and Horses. Apesar de todos assumirem que o seu estado se deve a um acidente, a verdade é bastante mais estranha.
Griffin descobriu um processo de se tornar invisível, e está agora em busca do antídoto. Quando é expulso da aldeia e se vê impelido para o assassínio, Griffin procura a ajuda do seu amigo Kemp. Mas o destino que o aguarda afecta-lhe os pensamentos, e, quando Kemp se recusa a ajudá-lo, Griffin resolve planear a sua vingança.


Sobre autor:
H. G. Wells (1866-1946) foi um romancista, jornalista, sociólogo e historiador inglês conhecido sobretudo pelas suas obras literárias. Nos seus primeiros romances, descritos como «romances científicos» aquando da sua publicação, abordou uma série de temas que entraram na cultura popular com romances como A Máquina do Tempo (1895), O Homem Invisível (1897) e A Guerra dos Mundos (1898). Outros romances de natureza humorística foram bem recebidos, tais como Tono-Bungay (1909) e Kipps (1905). Autor visionário, popularizou na literatura a reflexão sobre questões ainda atuais, entre as quais a ameaça de uma guerra nuclear, o rumo ecológico do planeta e, em A ilha do Dr. Moreau (1896), a manipulação de animais e os limites da ética científica.

Imprensa:
-

You Might Also Like

0 comentários

Follow on Facebook